assalto

Assalto de dia. Corro atrás dos ladrões. Por algum exu consigo alcançá-los e pegar meu celular e carteira de volta. Sem o cartão de debito. Mas não tem dinheiro na minha conta, então ele se fodeu.

Vibração ruim atrai vibração ruim. E a minha estava pesada e eu com péssimas pretensões para a continuidade da minha vida, que anda angustiada como um macaco que joga fezes nos turistas no zoológico.

Cartão cancelado. Rivotril e quetiapina tomados. Talvez o assalto e enfrentar os bandidos na conversa seja o resultado de um pedido desesperado de ajuda ao universo ou do universo.

Será que vou ouvir!?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s