síntese

claustrofobiahoje convoco
o poder de síntese
escrevo tão pouco
porque tampouco
me suporto
neste verso
tão porco
me sufoco

2 comentários

  1. quando se trata de poesia, sou daquelas que acredita que menos é mais. nesse poema sua escrita floresceu de uma forma diferente do usual. lacônica e latente, uma expressão – explosão – mínima de dor maior. parabéns!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s