livre-arbítrio vigiado

concrete road between trees
Foto por Craig Adderley em Pexels.com

além da cidade
no indeterminado
pedaço de mim
reside o dilema
da indefinição
dos limites
superiores
e
inferiores

eu não crio
as palavras
eu não crio
o divino
mas faço
combinações
que soam
escolhas
minhas

as conexões
que eu escolho
entre as infinitas
opções
já são
determinadas
é como um jogo
que os caminhos
podem ser alterados
mas os finais
(e por final não é o fim)
são já estabelecidos

podem ser bilhões de finais
já antes determinados
mas mesmo no caos
não há livre-arbítrio
como antes eu considerava
que havia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s